PITIMBUESPORTES

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Torneio de futebol alusivo as festividades de Nossa Senhora da Penha em Taquara, foi mais um evento promovido pela Secretária de esporte juventude e lazer de Pitimbu - PB

Exibindo Foto0454.jpgExibindo Foto0445.jpg
Torneio Tradicional de Futebol de Campo 2014, foi realizado em Taquara
distrito de Pitimbu o primeiro evento de Futebol de Campo esse ano,
onde foi composto por 8 times da região vizinha.... Portuguesa, Vasco,
Brasiliense, Atlético, Pitimbu, Náutico, Vila Nova e Cruzeiro, sendo
pela manhã com as Preliminares e a tarde com os Titulares....
Os Campeões foram:
Preliminar
1º Lugar Vila Nova
2º Cruzeiro
Vila Nova Bate o Cruzeiro na Final da preliminar em bola rolando por 1 X 0
Titular
 1º Náutico
2º Pitimbu
O Náutico bateu o Pitimbu nos Penaltis por 3 x 2
Exibindo Foto0450.jpgExibindo Foto0443.jpg

Galo da Borborema anuncia Fernades como novo reforço para 2014

Depois de muita expectativa o treze anunciou oficialmente a contratação do meia Fernandes junto ao Oeste de Itápolis, time que disputa a série A do Paulistão, e está na série B do campeonato Brasileiro. O meia Fernandes começou sua vida futebolistica aqui em nossa cidade jogando em nossos clubes amadores. A sua carreira profissional começou no América de Caaporã, depois passou pelo Botafogo Paraibano, Campinese, América de Natal, São caetano, e outros clubes do futebol Brasileiro. Essa será a sua  terceira passagem pelo futebol de Campina Grande, onde se destacou em 2008, sendo campeão Paraibano vestindo a camisa da raposa, inclusive sendo um dos destaques na campanha que levou o Campinense a série B de 2009. Fernandes agora vestirá a camisa do arqui rival treze, onde reforçará o galo nas demais competições de 2014.    

CBF divulga tabela da Série C e inclui Betim após liminar do clube mineiro

Equipe, que luta para voltar a se chamar Ipatinga, havia sido rebaixado pelo STJD. Terceirona começará no dia 27 de abril e novamente terá dois grupos de dez clubes

Por Rio de Janeiro
A CBF divulgou, no início da tarde desta quinta-feira, a tabela da Série C do Campeonato Brasileiro de 2014. A primeira rodada está marcada para o dia 27 de abril e a última rodada da primeira fase acontecerá no dia 4 de outubro. A competição será no mesmo formato dos últimos dois anos, com dois grupos de dez clubes cada – na temporada passada uma das chaves teve 11 equipes. Entretanto, a presença de um clube chama atenção.
Na última segunda-feira a CBF confirmou o Betim na Série D para 2014, acatando decisão do STJD. Porém, na tabela divulgada nesta quinta, o clube mineiro, que luta para voltar a se chamar Ipatinga, está presente. Ao comunicar o rebaixamento da equipe do Vale do Aço, a CBF informou que publicaria o nome do substituto do time na Série C nos próximos dias. No entanto, nesta quarta-feira, a diretoria do clube obteve uma liminar na 4ª Vara Cível de Betim que o recolocou na Terceira Divisão.
- A CBF só divulga o que interessa a ela. Como o julgamento do STJD foi ilegal, havia julgado para ter um ofício para punir o Betim, fomos para um juiz de Betim, passamos para ele que a CBF afrontou a decisão deles e conseguimos essa liminar. A Justiça intimou a CBF a cumprir a decisão anterior, de manter o Betim na Série C. O STJD não pode julgar novamente algo que já estava julgado – declarou o presidente do Ipatinga, Jaider Moreira.
Grupos da Série C 2014 (Foto: GloboEsporte.com)
A assessoria de imprensa da CBF confirmou que a entidade cumpriu a liminar obtida pela equipe mineira. Pouco tempo depois da divulgação da tabela da Série C, a entidade divulgou em seu portal oficial que o Betim seria mantido no torneio. Tal imbróglio teve início ainda na primeira fase da Terceirona do ano passado, quando o time foi excluído da competição após determinação da Fifa, que o puniu por ter acionado a justiça comum. A briga jurídica seguiu até as quartas de final do torneio, que chegou a ter o Mogi Mirim na vaga do Betim. Entretanto, o clube conseguiu liminar que o recolocou no torneio e disputou a fase final diante do Santa Cruz, quando foi eliminado.
A primeira rodada da Série C de 2014 contará com clássicos regionais, com destaque para dois duelos de grandes rivais: Botafogo-PB x Treze-PB, no Grupo A, e o clássico CaJu, entre Caxias e Juventude, pelo Grupo B. O Fortaleza chegou a propor uma alteração na fórmula do torneio e a adequação às divisões superiores, mas a CBF não acatou. Paysandu, São Caetano, ASA e Guaratinguetá foram os rebaixados da Série B de 2013. Botafogo-PB, Juventude, Salgueiro e Tupi subiram da Série D para a Terceirona.

Primeira rodada da Série C (27/04):

Grupo A:
Paysandu x Águia de Marabá
Cuiabá x Betim
ASA x CRB
Salgueiro x Fortaleza
Botafogo-PB x Treze
Grupo B
Caxias x Juventude
Tupi-MG x Macaé
São Caetano x Guarani
Madureira x Duque de Caxias
Mogi Mirim x Guaratinguetá

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Novo Beira Rio




Corrida Gigante reúne milhares em comemoração pelo novo Beira-Rio


Segundo organização do evento, cerca de 20 mil pessoas participaram do evento em Porto Alegre neste domingo

Por Porto Alegre
Corrida Gigante (Foto: Jefferson Bernardes/Agência Preview)Corrida Gigante teve participação de milhares de colorados (Foto: Jefferson Bernardes/Agência Preview)
Cerca de 20 mil pessoas compareceram à Corrida Gigante na manhã deste domingo em Porto Alegre, de acordo com a organização. A disputa em dois percursos teve oito mil inscritos no primeiro evento entre as comemorações do novo Estádio Beira-Rio, em fase final de reforma para receber jogos da Copa do Mundo de 2014.
As provas de oito e quatro quilômetros com corrida e caminhada foram marcadas por nostalgia e lembranças dos 45 anos do estádio. Os participantes foram embalados pelo hino do clube e canções entoadas pela torcida. O clima, no entanto, não foi de competição, e sim de descontração entre adultos, jovens e crianças.
De presente, os participantes receberam medalha da competição.
Construtora responsável pela modernização do Beira-Rio, a Andrade Gutierrez divulgou no sábado passado o  balanço do andamento das obras. De acordo com a empreiteira, a reforma da casa colorada atingiu a marca de 92%.
A previsão de conclusão dos trabalhos é dezembro de 2013 para já começar a receber partidas do Gauchão em janeiro. A reinauguração oficial está marcada para 5 e 6 de abril, com grande festa e amistoso com o Peñarol, respectivamente.


Corrida Gigante (Foto: Divulgação/Internacional)Cheerleaders do Inter participaram do evento (Foto: Divulgação/Internacional)

Vitória e Ceará empatam em 1 a 1 em Pituaçu

Decisão da vaga nas semifinais será no Presidente Vargas


Vitória e Ceará repetiram o confronto das quartas de final da Copa do Nordeste de 2013 na tarde deste domingo (16). O empate na primeira partida, em Pituaçu, foi favorável ao Ceará. Fora de casa, a equipe foi superior ao Vitória, mas sofreu o empate em uma falha de marcação.
Logo no primeiro minuto de jogo, a defesa do Vitória falhou e Magno Alves chegou com perigo pela esquerda. O atacante do Ceará arriscou de longe, mas a bola foi para fora. As duas equipes, até os 15 minutos de jogo, conseguiram grandes chances no ataque, mas pecaram nas finalizações.

O Ceará conseguia suas principais chances pela esquerda, com Magno Alves. O zagueiro Luiz Gustavo entrou mal na partida e o técnico Ney Franco, com 16 minutos, já colocou os atletas no aquecimento. O Vitória, por sua vez, cercava a área do Vovô e arriscava chutes de fora da área, sem levar muito perigo para o adversário.

Aos 32 minutos da partida, Escudero por pouco não abriu o placar para o Leão. O argentino avançou da intermediária e mandou por cima do gol de fora da área, tentando encobrir o goleiro Luis Carlos. O Vitória tentava preencher o meio de campo para dominar a partida, mas a marcação cerrada do Ceará não permitia o toque de bola. Com o tempo, o alvinegro passou a dominar a partida, criando chances cada vez mais perigosas.

Vitória reage e vai para cima

O Vitória entrou em campo para o segundo tempo com Euller no lugar de Luiz Gustavo. Com mudanças também no comportamento, o Leão voltou mais atento a campo. O Ceará, por sua vez, continuou da mesma maneira que vinha dando certo no primeiro tempo.

Até os 15 minutos da segunda etapa, as duas equipes fizeram um jogo ofensivo e corrido. Após a melhoria nos primeiros minutos, o Vitória voltou a cair de rendimento, enquanto o Ceará passou a crescer dentro de campo. O técnico Ney Franco tentou colocar o time mais para a frente, com William Henrique no lugar do volante José Welison.

O Vozão abriu o placar aos 20 minutos do segundo tempo. Souza cobrou o escanteio e Magno Alves subiu mais do que a defesa do Vitória para abrir o placar. Nove minutos depois, Marquinhos toca para Dinei que, livre na área, empurra para o fundo das redes, marcando o gol do empate.
Depois do gol, o técnico Ney Franco substituiu Juan por Adailton. O lateral rubro-negro estava cansado e a entrada do atacante pôde tornar a equipe ainda mais ofensiva para buscar a vitória. O Ceará fechou a marcação, buscando manter o resultado para decidir a vaga nas semifinais em casa. No fim da partida, Escudero saiu de campo sentindo dores, e deixou o Vitória com 10 jogadores em campo.

VITÓRIA 1 X 1 CEARÁ
Copa do Nordeste

Local: Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA)
Data: 16/02, às 16h

VITÓRIA: Wilson, Ayrton, Matheus Salustiano, Rodrigo Defendi e Juan (Adailton); Luiz Gustavo (Euller), Cáceres, José Welison (William Henrique) e Escudero; Marquinhos e Dinei. Técnico: Ney Franco.

CEARÁ: Luís Carlos, Samuel Xavier, Sandro, Anderson e Hélder Santos; João Marcos (Michel), Leandro Brasília (Amaral), Ricardinho e Souza; Magno Alves e Bill (Tadeu). Técnico: Sérgio Soares.

Técnico do Sport parabeniza atletas por disciplina tática na vitória

Foi o primeiro jogo do treinador após ser efetivado


O Sport dominou a partida e venceu o CSA por 2 a 0 no jogo da ida nas quartas de final da Copa do Nordeste. O jogo foi o primeiro de Eduardo Baptista após ser efetivado como treinador do Leão e foi a quarta vitória seguida do novo comandante. Ele fez questão de elogiar os jogadores após a partida.
Veja também:
"Os atletas estão de parabéns pela aplicação tática. Na preleção hoje a ênfase era na disciplina tática e eles estão muito bem nisso. Agora temos que ter humildade, respeitar o adversário e tentar trazer a classificação no jogo da volta", disse.
O jogo da volta será no dia 25 de fevereiro no Estádio Rei Pelé e o Sport pode até perder por um gol de diferença que consegue a classificação.

Álvaro Filho e Thiago vencem etapa do Sul-Americano de Vôlei de Praia

Dupla brasileira ganharam dos primos chilenos Marco e Estéban Grimalt na final deste domingo em Montevidéu, no Uruguai. Bruno e Hevaldo terminaram em terceiro lugar

Por Montevidéu

O Brasil subiu ao lugar mais alto do pódio na terceira etapa do Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia, encerrada neste domingo em Montevidéu, no Uruguai. E coube ao paraibano Álvaro Filho e ao catarinense Thiago, que retomaram a parceria justamente nesta competição, o mérito de manter a hegemonia verde-amarela no continente.
Thiago em Montevidéu, vôlei de praia (Foto: Divulgação/CSV)Thiago no bloqueio: campanha invicta em Montevidéu, com apenas um set perdido em seis jogos (Foto: Divulgação/CSV)

A dupla foi desfeita há 11 meses, depois que Álvaro Filho aceitou o convite de jogar com o campeão olímpico Ricardo, com quem se sagrou vice-campeão mundial no ano passado. Agora, de volta com Thiago, Alvinho fez uma campanha invicta no Uruguai, com seis vitórias em seis jogos e apenas um set perdido.

Na temporada passada da competição, inclusive, Thiago e Alvinho chegaram a jogar três etapas do Sul-Americano  juntos, subindo ao lugar mais alto do pódio em Lima (Peru) e ficando em segundo em Santa Fé (Argentina). Agora, na Praia de Pocitos, na capital uruguaia, eles conquistam o segundo título da parceria, que já será vista em areias brasileiras pela oitava e penúltima etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, de sexta (21.02) a domingo (23.02), em João Pessoa.

 Álvaro e Thiago estarão em ação no próximo final de semana, disputando a etapa paraibana do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia
 Álvaro Filho e Thiago chegaram à decisão em Montevidéu após travarem um complicado duelo contra os argentinos Julian Azaad e Ian Mehamed pelas semifinais. No fim, vitória de virada por 2 a 1, parciais de 24/26, 21/19 e 15/8, e o único set perdido no torneio. Final contra os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt, que tinham batido Bruno/Hevaldo na outra semi.

E aquela química mostrada por Thiago e Alvinho na época em que jogaram juntos se confirmou até a grande final, quando eles não deram qualquer chance para a dupla chilena. Em dois sets impecáveis, eles venceram por 2 a 0, parciais de 21/14 e 21/16, e garantiram mais um título para o Brasil, repetindo o feito de Allison/Guto na etapa de abertura, realizada em Macaé.

Bruno e Hevaldo, que, atualmente, formam a dupla masculina mais duradoura do vôlei de praia brasileiro (juntos desde 2012), asseguraram o bronze ao baterem Julian Azzad e Ian Mehamed por 2 a 1, parciais de 21/15, 18/21 e 15/8.
Prata e bronze no feminino
Na final feminina, as argentinas Ana Gallay e Georgina Klug venceram Elize Maia e Fernanda Berti por 2 set a 0, com parciais de 30/28 e 21/17. A brasileiras Neide e Carol Horta fecharam o pódio com o terceiro lugar, após vitória contra as anfitriãs Fabiana Gomez e Lucia Guigou, no tie break, com parciais de 22/20, 11/21 e 15/10.
Podio da etapa uruguai do Circuito Sul-Americano de vôlei de praia (Foto: Divulgação/CSV)Podio da etapa uruguaia do Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia, encerrado hoje na Praia de Pocitos, em Montevidéu (Foto: Divulgação/CSV)

Auto Esporte goleia o Sport Campina e se aproxima do G-2 do Paraibano

Em partida que marcou a reabertura do Almeidão, Alvirrubro fez 4 a 1 no Carneiro e chegou aos 15 pontos, se mantendo na briga pela classificação para a fase final

Por João Pessoa
 
 
O Auto Esporte voltou a vencer pelo Campeonato Paraibano. E o Alvirrubro nem precisou jogar bem para golear o Sport Campina por 4 a 1 na tarde deste domingo no Estádio Almeidão. Com a vitória, os donos da casa chegaram aos 15 pontos. Já o Sport Campina amargou sua oitava derrota em nove jogos e segue na lanterna.
O Auto Esporte volta a campo na próxima quarta-feira, quando encara a Queimadense no Amigão às 20h30. No mesmo dia e horário, O Sport Campina vai até Cajazeiras, enfrentar o Atlético no Perpetão.
Jogo começa equilibrado mas Auto abre vantagem no placar
Jogando em casa, de volta ao Almeidão, o Auto Esporte tratou de tomar a iniciativa de ir ao ataque. Mas o Sport Campina, com o ex-camisa 10 Mazinho assumindo a função de técnico da equipe, mostrou um futebol mais organizado e até conseguiu levar algum perigo ao gol de Rodrigues, sobretudo em jogadas individuais de Luciano Paraíba.
Auto Esporte x Sport Campina, no Estádio Almeidão, pelo Campeonato Paraibano 2014 (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Auto Esporte jogou com um novo uniforme, todo amarelo
(Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)
Só que era o Auto que tinha mais volume de jogo e conseguiu abrir o placar aos 22 minutos, com Gustavo. O lateral mandou a bola para área e contou com um desviou na zaga do Sport Campina para balançar as redes. Quatro minutos mais tarde, Beto ampliou para o Alvirrubro. O atacante dominou já dentro da área e tocou colocado no ângulo esquerdo do goleiro Ericson.
Parecia que os donos da casa deslanchariam no placar, mas aos 31 minutos, Luciano Paraíba diminuiu para o time de Campina Grande. Em mais uma jogada individual, o atacante avançou pela direita, invadiu da área e tocou na diagonal, batendo o goleiro Rodrigues. Final de primeiro tempo no Almeidão: Auto 2, Sport Campina 1.
Jackson entra bem, marca dois e Auto goleia
Os dois times voltaram com as mesmas formações para a segunda etapa. Mas o nível do jogo caiu tanto depois do intervalo, que os dois técnicos logo decidiram mexer nos times. Até a metade da segunda etapa, o nível técnico foi muito baixo.
Apenas aos 21 minutos, aconteceu o primeiro lance de real perigo. Foi quando Jackson, que havia acabado de entrar no time, recebeu bom passe de Mael e, no seu primeiro toque na bola, mandou para as redes. André Ferreira tentou dar a resposta para o Sport Campina logo em seguida e chutou forte, forçando Rodrigues a fazer uma boa defesa.
E Jackson entrou bem mesmo. Aos 33, ele tentou mais uma finalização e carimbou a trave de Ericson. E aos 42, de novo com Jackson, saiu o quarto do Auto Esporte. O camisa 19 tocou com estilo no ângulo de Ericson e deu números finais à partida.

AUTO ESPORTE 4 x 1 SPORT CAMPINA
 
Rodrigues, Gustavo, Camutanga, Laércio e Danilo Itaporanga; Edmílson (Nau), Gil Pernambucano, Léo Lima e Mael; Beto (Jackson) e Josimar (Vagner)
Ericson, Pierre (Keneddy), Renato, Zinha e Dudu; Cristiano, Fabiano Bochecha (Arthur Vieira), Fernando e Evaldo Bahia; André Ferreira (Artur Ferreira) e Luciano Paraíba
Técnico:  Jazon Vieira
Técnico:  Mazinho
Gols:  Gustavo, ao 22; Beto, ao 26; Luciano Paraíba, aos 31 do 1º tempo; Jackson, aos 21 e 42 do 2º tempo
Cartões:  Gustavo, Danilo Itaporanga, Edmílson, Nau e Gil Pernambucano (Auto Esporte), Fabiano Bochecha e Luciano Paraíba (Sport Campina)
Local:  Estádio Almeidão (João Pessoa); Arbitragem: Adricélio Santos, auxiliado por Daniel Félix e Jackson Reis; Competição: Campeonato Paraibano (8ª rodada da 1ª fase)

Em partida eletrizante no Almeidão, CSP e Campinense ficam no empate

Jogo tem gol no início, expulsão, pênalti perdido e termina emparada por 1 a 1. Resultado favorece o Sousa, que não entrou em campo e segue líder do Paraibano

o dino agradece (Renata Vasconcellos / GloboEsporte.com/pb)  
 
Por João Pessoa

Eletrizante! Assim foi o empate por 1 a 1 entre CSP e Campinense na noite deste domingo no Estádio Almeidão. A partida teve gol logo no início, expulsão, pênalti perdido e acabou não mexendo nas posições dos dois times na tabela do Campeonato Paraibano. A partida foi válida pela oitava rodada da competição.
O resultado manteve o Tigre na segunda colocação, agora com 18 pontos, e a Raposa na terceira, com 16. O Sousa, que nem entrou em campo, foi beneficiado pelo resultado e se manteve na liderança.
O CSP volta a campo às 20h30 da próxima quarta-feira, quando encara o Santa Cruz de Santa Rita, novamente no Estádio Almeidão. Já o Campinense joga apenas às 20h30 da quinta-feira, contra o Sousa, no Amigão.
CSP abre vantagem logo no início
O técnico Ramiro Sousa já havia declarado que o CSP vinha se sentindo em casa mesmo jogando no Amigão, em Campina Grande. Mas o Tigre precisou de apenas dois minutos para mostrar que se sente mais à vontade ainda no Almeidão. Logo no primeiro lance de jogo, numa jogada muito rápida pelo lado esquerdo, Márcio cruzou na área e, após um bate-rebate, a bola sobrou para Leandro, que mandou para as redes: 1 a 0.
Daí para frente, atrás no placar, o Campinense passou a buscar as jogadas ofensivas, sobretudo pelas pontas, ora com Zé Leandro pela direita, ora com Adriano Chuva pela esquerda. Mas o CSP, bem organizado em campo, se fechou bem atrás e não correu grandes riscos.
A Raposa ainda conseguiu algumas boas finalizações com Tiago Ferreira e com Valdo Soares, que forçou o goleiro Ferreira a fazer duas boas defesas. Mas a partir da metade do primeiro tempo, o CSP voltou a chegar à frente e rondar a área do Campinense, mas também sem levar muito perigo. E a partida acabou indo para o intervalo com o placar de 1 a 0 para o Tigre.
Expulsão, pênalti... e empate do Campinense
Os dois times voltaram para o segundo tempo com uma alteração cada. No CSP, Ramiro Sousa colocou Robertinho no lugar de Hélio Paraíba. Já no Campinense, Leandro Campos trocou Adriano Chuva por Bruno. E o Tigre foi quem sofreu o primeiro baque da segunda etapa. Aos quatro minutos, após se desentender com Talysson, o atacante Leandro, autor do gol, foi expulso.
Com um a mais em campo, a Raposa passou a pressionar o Tigre, que se defendia como podia. Wanderley entrou no lugar de Jânderson para deixar o time mais ofensivo e, aos 10 minutos, Bruno carimbou a trave de Rodrigues. O goleiro alviceleste, aliás, fez pelo menos três boas defesas em finalizações de Diogo Capela e Valdo Soares.
Aos 14, a Raposa teve a sua melhor oportunidade de empatar. Wanderley invadiu a área, driblou Ferreira e foi derrubado pelo goleiro. Pênalti. Tiago Ferreira foi para a cobrança e acertou mais uma vez a trave de Ferreira. O CSP se segurava com podia e, aos 38, perdeu uma excelente chance de matar o jogo. Gil Bala, que havia entrado no lugar de Carioca, recebeu livre na área e, sem marcação, chutou por cima do gol.
O castigo aconteceu aos 40 minutos, quando Danilo Portugal aproveitou uma sobra e soltou a bomba, vencendo o goleiro Rodrigues e empatando a partida. A Raposa ainda insistiu no ataque, em busca da virada, mas o CSP se fechou bem e conseguiu segurar o empate.
csp 1 x 1 campinense
Ferreira, Anderson (Wellington), Moisés, Suéliton e Márcio; Peu, Daniel, Jônatas e Leandro; Hélio Paraíba (Robertinho) e Carioca (Gil Bala).
Ivan, Zé Leandro, Moacri, David Queiroz e Adriano Chuva (Bruno); Talysson, Jânderson (Wanderley), Diogo Capela e Danilo Portugal; Tiago Ferreir

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Lineker bate peso na 2ª tentativa, e Barão e Aldo confirmam lutas

Peso-mosca brasileiro fica pouco mais de 400g acima na primeira e usar uma hora extra para chegar ao limite. Barão faz nova encarada tensa com Faber

Por Direto de Newark, EUA

A pesagem do UFC 169 teve Renan Barão e José Aldo, mas o brasileiro que mais chamou a atenção foi John Lineker. Pena que de forma negativa. Ele inicialmente não bateu o peso pela quarta vez em seis checagens oficiais no Ultimate, a terceira consecutiva. O lutador vestia roupa térmica, sinal de que estava perdendo os gramas finais até a última hora, e foi logo pedindo a toalha para ficar nu, mas mesmo assim a balança marcou 57,6kg, sendo que o limite da categoria dos moscas para combates que não valem cinturão é de 57,2kg. O paranaense, diferentemente do que ocorreu nas outras três oportunidades, desta vez conseguiu chegar aos 57,2kg dentro da uma hora extra que foi concedida pela organização.
O evento foi realizado neste sexta-feira, no Prudential Center, em Newark (EUA). O oponente de Lineker, Ali Bagautinov, bateu o peso no limite e provocou o brasileiro com uma camisa que dizia em inglês: "Amanhã você vai sentir o que 'mãos de pedra' realmente significam". Foi uma referência ao apelido de John Lineker.
José Aldo x Ricardo Lamas encarada UFC (Foto: Evelyn Rodrigues)José Aldo e Ricardo Lamas na encarada logo após a pesagem (Foto: Evelyn Rodrigues)
No evento principal, o campeão dos galos, Renan Barão, promoveu boa encarada com o desafiante Urijah Faber pelo segundo dia seguido. Os dois se olharam firmemente, mas não chegaram a se encostar e se cumprimentaram depois. Faber subiu primeiro ao palco com seu treinador brasileiro, Fábio Pateta, e bateu 61kg. Barão, na sequência, foi acompanhado de seu técnico Jair Lourenço e ficou no limite, exatamente 61,2kg.
O campeão dos penas, José Aldo, e o desafiante Ricardo Lamas fizeram uma encarada tranquila, com cumprimento antes e depois. O americano pesou 65,5kg, e o brasileiro ficou no limite, 65,8kg. Um pouco antes, os pesados Frank Mir e Alistair Overeem bateram o peso com tranquilidade e mostraram muito respeito um pelo outro na hora do cara a cara.
O quarto e último brasileiro do card, o peso-leve Alan Nuguette, mostrou sua felicidade habitual. Ele dançou a música que estava tocando no ginásio e deu um salto mortal ao bater o peso, para o espanto das ring girls e do presidente Dana White, que riu bastante da situação. O adversário, John Makdessi, foi para cima na encarada, e Nuguette respondeu na mesma moeda. O chefão teve de intervir, mas os dois se abraçaram antes de descer as escadas.
Alan Nuguette e Brittney Palmer UFC (Foto: Evelyn Rodrigues)Alan Nuguette dá salto mortal e assusta a ring girl Brittney Palmer UFC (Foto: Evelyn Rodrigues)

Treze volta aos trabalhos e já define a logística para a partida contra o Ceará

Atletas se reapresentaram na tarde desta sexta-feira, no PV. O elenco do Galo sai de Campina Grande com destino a Fortaleza às 13h do sábado para jogo no domingo

Por Campina Grande

Após vencer o CRB por 2 a 0, o elenco do Treze não teve muito tempo para descansar. É que no próximo domingo o Galo vai a Fortaleza para encarar o Ceará e por isso o elenco alvinegro já se reapresentou nesta sexta-feira no Estádio Presidente Vargas. Nos bastidores, a diretoria agiu rápido e já definiu a logística da viagem.
Elenco do Treze se reapresenta neste domingo para primeiros treinos para jogo contra o Ceará pela Copa do Nordeste (Foto: Ascom Treze FC)Treze retoma trabalhos para a sequência da Copa do Nordeste (Foto: Divulgação / Treze)

A delegação do Galo sai de Campina Grande com destino ao aeroporto de Campina Grande às 13h deste sábado. De lá, às 14h45, embarca no voo com destino à capital cearense. A previsão é que o grupo chegue a Fortaleza às 20h do sábado, após o voo fazer escala em Recife.
Na reapresentação desta sexta, os atletas que atuaram na vitória contra o CRB realizaram um trabalho regenerativo no PV. Já aqueles que não participaram do jogo realizaram um trabalho à parte no campo. Na manhã do sábado, o técnico Leandro Campos realiza o último coletivo antes de encarar o Ceará.
Com a vitória de ontem, o Treze conseguiu marcar seus primeiros três pontos na Copa do Nordeste. No entanto, não conseguiu sair da lanterna do Grupo C. No domingo, o Galo tem a difícil missão de encarar o Ceará em plena Arena Castelão. A partida está marcada para acontecer às 17h15 (horário local).

Após vitória contra o Náutico, Botafogo-PB faz treino regenerativo

O Belo venceu o Timbu em Recife por 1 a 0, na Arena Pernambuco em Recife. Para jogo contra Guarany de Sobral, no domingo, André Lima pode ser a novidade

Por João Pessoa

Botafogo-PB faz treino regenerativo, após vitória em cima do Náutico (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)Jogadores do Belo fazem treino regenerativo, após vitória em cima do Náutico (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)
Os atletas do Botafogo-PB fizeram um treino regenerativo na tarde desta sexta-feira, após vencer o Náutico por 1 a 0, pela quarta rodada da Copa do Nordeste, na Arena Pernambucano. Os jogadores realizaram os trabalhos em uma academia do bairro do Cristo e foram comandados pelo preparador físico Luciano Queiroz. Durante uma hora e meia, os jogadores fizeram alongamento e musculação.
Além dos 11 jogadores que começaram a partida ontem, o zagueiro André Lima também fez a atividade física. Ele falou que neste sábado fará um teste para saber se tem condições de jogo para a partida do próximo domingo, contra o Guarany de Sobral.

 Os atletas que não atuaram na partida contra o Timbu, ou participaram menos de 45 minutos, trabalharam com o comissão técnica em um campo, no bairro do Bessa.
Apesar da vitória, o Botafogo não soma pontos na Copa do Nordeste e é o último colocado do grupo D. O clube perdeu quatro pontos na tabela de classificação, após ser punido pelo STJD por escalação irregular dos jogadores Pio e Thiaguinho na partida contra o Sport, no dia 19 de janeiro. O jogo era válido pela primeira rodada da Copa do Nordeste.
No próximo domingo, o Belo enfrenta o Guarany de Sobral, líder do grupo com oito pontos. A partida acontece às 16h, no Estádio Almeidão, em João Pessoa.

Campinense e Auto fazem duelo direto na briga do G-2 do Paraibano

Raposa entra em campo motivada pela vitória de 3 a 1 sobre o CSP, na terça-feira.
Já o Alvirrubro tenta esquecer a semana conturbada e continuar em alta no Estadual

Por Campina Grande


Sempre brigando pelas primeiras posições, o Campinense deixou o G-2 após o término da sexta rodada. Agora, o time rubro-negro recebe neste sábado a visita do Auto Esporte, em um confronto direto pela permanência na zona de classificação. O duelo está marcado para as 18h15, no Estádio Amigão, em Campina Grande.
Campinense treina no Renatão, em Campina Grande (Foto: Gilvan Jerônimo/Jornal da Paraíba)Mais aliviado após a convincente vitória sobre o CSP, Campinense espera iniciar arrancada no Campeonato Paraibano (Foto: Gilvan Jerônimo/Jornal da Paraíba)
Os dois times chegam para a abertura da sétima rodada dividindo a segunda colocação na tabela do Paraibano, com 12 pontos cada. Ou seja: quem vencer, além de permanecer no G-2, fica na torcida por tropeço do Sousa, líder com 14 pontos, em seu jogo fora de casa com a Queimadense, neste domingo.
A Raposa entra em campo motivada pela vitória por 3 a 1 sobre o CSP na terça-feira. O resultado elevou a moral da equipe, que vinha de péssimo resultado contra a Queimadense.
Campinense vence o CSP na sexta rodada do Paraibano (Foto: Gilvan Jerônimo/Jornal da Paraíba)O Campinense chegou aos 12 pontos pós vencer o Tigre, mas leva desvantagem para o Auto nos critérios de desempate do Paraibano
(Foto: Gilvan Jerônimo/Jornal da Paraíba)
Mesmo sem o peso de qualquer tipo de crise, o técnico Leandro Machado se viu obrigado a promover mudanças no time titular para o embate de logo mais diante dos automobilistas. Na lateral direita, Zé Leandro deve entrar na vaga de Osvaldir, suspenso pelo terceiro cartão. E na zaga, Victor Cardoso, que também cumpre suspensão automática do terceiro amarelo, deve ceder seu lugar a David Cardoso.
Nos demais setores, o comandante raposeiro deve manter os mesmos jogadores do jogo anterior. O atacante Wanderley, que foi repatriado pelo clube no início da semana, poderá figurar no banco de reservas na partida com o Auto. É que o nome do atleta apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na quinta-feira à noite.
Auto teve semana conturbada
Apesar de ter o melhor aproveitamento do Campeonato Paraibano até aqui (80% nos cinco jogos realizados), o Auto Esporte vive uma grave crise financeira. Prova disso é que os jogadores fizeram uma "greve de advertência" na última quinta-feira, cobrando da diretoria o pagamento dos salários de dezembro.
Jogadores e comissão técnica do Auto Esporte fazem greve no treinamento, mas entrama em campo contra o Campinense (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)Jogadores e comissão técnica do Auto Esporte chegaram a paralisar as atividades na quinta-feira, mas decidiram entrar em campo neste sábado contra o Campinense (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)
O elenco chegou até mesmo a sugerir que não viajaria para Campina Grande para enfrentar o Campinense neste sábado caso a situação não fosse regularizada. Mas após uma conversa com o presidente Manoel Demócrito, eles decidiram dar mais um crédito de confiança ao clube e vão entrar em campo.
- Estamos devendo um mês de salários, o de dezembro, já que o mês de janeiro ainda não acabou. De qualquer forma, a nossa intenção é resolver todas essas pendências até a próxima terça-feira - disse Manoel Demócrito.
Jazon Vieira diz que não sabe quem vai escalar no jogo contra o Campinense (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)O técnico Jazon Vieira pediu profissionalismo aos jogadores e garante que os problemas extra campo não vão atrapalhar o time
(Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)
O técnico Jazon Vieira até que endossou o movimento dos jogadores, que não treinaram na quinta-feira, mas deixou claro que não concordava com o time não entrar em campo contra o Campinense. Para o treinador, o Auto Esporte precisa aproveitar o bom momento dentro de campo.
- A paralisação foi importante como um alerta para a diretoria. Mas temos que ir a campo, jogar e fazer o nosso melhor contra o Campinense. Estamos brigando pela liderança e temos que mostrar que somos profissionais - discursou o treinador.
Sobre a equipe que enfrenta o Campinense, Jazon continua sem contar com o atacante Beto, entregue ao departamento médico. O atacante Jó Boy, afastado por indisciplina da partida contra o Sport Campina, pode retornar.

CAMPINENSE X AUTO ESPORTE
Ivan, Zé Leandro, Moacri, David Queiroz e Adriano Chuva; Wellington, Janderson, Talysson e Danilo Portugal; Thiago Ferreira e Bina
Rodrigues, Gustavo, Laerson, Camutanga (Léo Oliveira) e Danilo Itaporanga; Edmílson, Mael, Sóstenes e Jó Boy; Júnior Mandacaru e Josimar
Técnico:  Leandro Machado
Técnico:  Jazon Vieira
Local:  Estádio Amigão (Campina Grande)
Horário:  18h15

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Tabela detalhada da Copa do Brasil é divulgada. Veja quando seu time estreia


A CBF divulgou no início da tarde desta quarta-feira, através do seu site oficial, a tabela detalhada da Copa do Brasil-2014, com a definição das datas, horários e locais dos jogos. A tabela básica havia sido conhecida no último dia 13, quando a entidade apresentou a edição de número 26 da competição. A Copa do Brasil deste ano terá início no dia 19 de fevereiro, com a realização do confronto entre Real Nordeste-ES e Rio Branco, no José Olímpio Rocha, pela Fase Preliminar. Já o duelo da volta será na semana seguinte, na Arena da Floresta. Quem avançar terá a Chapecoense como rival.
A Primeira Fase terá início no dia 12 de março e com 14 partidas – Palmeiras, São Paulo e Internacional são alguns dos times que debutarão no torneio neste dia. Assim como já acontecia na competição, o time visitante terá, na Primeira e, também, na Segunda Fase, a possibilidade de eliminar o seu adversário caso vença o jogo em questão por dois ou mais gols de diferença.
A exemplo do ano passado, os seis times brasileiros que disputarão a Libertadores (Atlético-MG, Flamengo, Cruzeiro, Grêmio, Atlético-PR e Botafogo) entrarão na Copa do Brasil já nas oitavas de final, quando terão a companhia de outras dez equipes.

DATAS DAS OUTRAS FASES

Segunda Fase – Jogos de ida: 23/4, 30/4 ou 7/5. Jogos de volta: 30/4, 7/5 ou 14/5
Terceira Fase – Jogos de ida: 23/7, 30/7 ou 6/8. Jogos de volta: 30/7, 6/8 ou 13/8
Quarta Fase (Oitavas de final) – Jogos de ida: 27/8. Jogos de volta: 3/9
Quinta Fase (Quartas de final) – Jogos de ida: 1/10. Jogos de volta: 15/10
Sexta Fase (Semifinais) – Jogos de ida: 29/10. Jogos de volta: 5/11
Sétima Fase (Final) – Ida: 12/11. Volta: 26/11
Veja abaixo quando o seu time estreia na 26ª edição da Copa do Brasil

FASE PRELIMINAR

Ida
19/2 – Quarta-feira
20h30 – Real Nordeste-ES x Rio Branco-AC – José Olímpio Rocha
Volta
26/2 – Quarta-feira
21h30 – Rio Branco-AC x Real Nordeste-ES – Arena da Floresta

PRIMEIRA FASE

* Em parênteses está a data do jogo de volta, caso seja necessário.
12/3 – Quarta-feira
19h30 – Vilhena-RO x Palmeiras – Portal da Amazônia (10/4)
20h30
Tombense-MG x Treze-PB – Antônio de Almeida (9/4)
Flamengo-PI x Atlético-GO – Helvídio Nunes (9/4)
Desportiva-ES x ABC – Engenheiro Araripe (9/4)
Goianésia x Barueri – Waldeir de Oliveira (9/4)
Interporto-TO x Sampaio Corrêa-MA – A definir (9/4)
Juazeiro-BA x Tupi – Adauto Moraes (9/4)
Sergipe x Náutico-PE – Presidente Médici (2/4)
São Luiz-RS x Nacional-AM – 19 de Outubro (9/4)
Náutico-RR x Ponte Preta – Raimundo Ribeiro (2/4)
21h30
Princesa do Solimões-AM x Brasiliense – SESI (9/4)
Rondonópolis x CRB – Luthero Lopes (16/4)
22h
CSA x São Paulo – Rei Pelé (9/4)
Remo x Internacional – Mangueirão (16/4)
13/3 – Quinta-feira
21h50 – CENE-MS x Coritiba – Morenão (3/4)
19/3 – Quarta-feira
19h30 – Londrina x Criciúma – Estádio do Café (3/4)
22h
Bahia de Feira x Corinthians – Jóia da Princesa (16/4)
Villa Nova-MG x Bahia – Arena Independência (16/4)
20/3 – Quinta-feira
19h30 – São Bernardo-SP x Paraná – Primeiro de Maio (16/4)
21h50 – Horizonte-CE x Fluminense – Castelão (10/4)
2/4 – Quarta-feira
19h30 – Potiguar-RN x Portuguesa – Leonardo Nogueira (17/4)
20h30
Paragominas-PA x ASA – Arena Verde (9/4)
Boavista-RJ x América-RN – Eucy Resende (16/4)
Santos-AP x América-MG – Glicério Marques (9/4)
Botafogo-PB x Goiás – Almeidão (16/4)
Santa Rita-AL x Guarani – A definir (9/4)
Lajeadense-RS x Bragantino – Arena Alviazul (9/4)
Caldense-MG x Duque de Caxias – Ronaldo Junqueira (16/4)
Maranhão x Paysandu – Castelão (9/4)
Barbalha-CE x Cuiabá-MT – A definir (16/4)
Parnahyba x Ceará – Alberto Silva (16/4)
21h30 – Plácido de Castro x Figueirense – Arena da Floresta (9/4)
22h
Mixto x Santos – Arena Pantanal (16/4)
Brasília x Sport – Valmir Bezerra (17/4)
3/4 – Quinta-feira
19h30
J.Malucelli x Vitória – Janguito Malucelli (10/4)
Lagarto-SE x Santa Cruz – Presidente Médici (3/4)
21h50
Naviraiense x Avaí – Antônio Virotti (16/4)
Resende-RJ x Vasco – Raulino de Oliveira (17/4)
9/4 – Quarta-feira
19h30 – Vencedor da fase preliminar x Chapecoense – A definir (16/4)
10/4 – Quinta-feira
19h30 – Novo Hamburgo-RS x Joinville – Estádio do Vale (17/4)